segunda-feira, 9 de junho de 2008

Grandes verdades da humanidade: é impossível trabalhar em casas.

Se existe uma verdade absoluta e universal (diria até cósmica) é a impossibilidade de se trabalhar em casa (nem mesmo descansar!).

Na semana passada, estava meio ruim da gripe e decidi ficar em casa (quarta-feira). Pensei: "Vou adiantar alguns trabalhos pendentes, preparar um material e ler um texto".

Resultado: pela manhã fiquei resolvendo um problema no meu notebook (do trabalho!) e uma conta que a operadora de cabo havia feito cobrança indevida. Pela tarde, li UM PARÁGRAFO do texto e tive que resolver pelo menos dois problemas para a minha mãe e ainda lidar com a falta de internet (que me impossibilitou de ler os emails).

Não adianta. Você pode fazer o que quiser para tentar trabalhar em casa. Mas com certeza será exatamente no dia em que todos os planetas do sistema solar se alinharão e se voltarão contra você, fazendo TUDO dar errado.

Existe uma série no Multishow chamada "Cilada", que eu acho muito divertida. Um episódio o ator aborda exatamente isso, como é difícil tirar um dia de semana em casa para descansar ou trabalhar. Assistam e me digam se é ou não é verdade :)

Parte 1


Parte 2

3 comentários:

Jeveaux disse...

E ae Flavio, blz?

Cara, discordo e concordo com você hehe.

Discordo da opinião sobre o home office de modo geral. Eu mesmo trabalho em casa e tudo corre bem, mas entendo os problemas que você citou e por isso, em partes, também concordo, pois no início é bastante complicado de gerenciar algumas coisas, como: as pessoas que vivem na mesma casa (sempre acham que você não está trabalhando), a nossa vontade de fazer outras coisas, de passear, de ler, etc, realmente é complicado.

Mas são coisas que conseguimos controlar e gerenciar com o tempo. Então, pra mim, trabalhar em casa é possível sim, com um pouco de esforço, é claro. Mas pensar em sair um dia ou uma semana do escritório pra fazer um teste trabalhando em casa, isso não vai dar muito certo mesmo.

Abraço,

Guilherme Piccin disse...

Olá, Flávio.
Seguindo a linha de raciocínio do Jeveaux, acho que experiência [ruim] de um dia não pode ser generalizada a todos os dias. Há um tempo atrás tive a oportunidade de passar 2 meses trabalhando na parte da manhã em casa e à tarde no escritório. A primeira semana foi terrível! Aconteceram fatos similares aos seus, mas depois adaptei melhor o ambiente e coloquei algumas 'regras' na casa, justamente pelos outros acharem que você não está trabalhando. Indo além, minha produtividade em casa era maior que no trabalho, pois me sentia mais à vontade - sem contar a ausência das pessoas falando no telefone ao seu redor.
Acho que você pode tentar novamente.

Jeveaux disse...

É verdade, Guilherme.

Hoje eu sigo as seguintes regras:
1) Acordo cedo (pra isso eu tenho que dormir cedo), tomo um banho e vista calça, camisa e tênis, nada de ficar de pijama senão o sono e a preguiça te consomem.
2) Preparo meu café. =)
3) Vejo meus e-mails pessoais e algumas coisas como o google reader, delicious, etc, etc. E em cerca 20 a 30 minutos já começo a trabalhar, feito isso é fechar tudo que for pessoal e se concentrar no trabalho.

Agora eu fico sozinho em casa o dia todo e isso está sendo muito bom, eu pelo menos gosto e o trabalho rende que é uma beleza.