sexta-feira, 14 de setembro de 2007

Mudanças de ambiente de trabalho

Pois é, como eu havia dito anteriormente, a diretoria quer criar a área comercial da empresa de uma vez por todas. Aplaudo essa idéia! Finalmente vamos de fato ter alguém especificamente nesta área. As minhas demandas e da LM (gerente administrativa) também vão diminuir bastante. Tudo muito bonito... se não fosse UM PORÉM!

Para realizar isso, a diretoria decidiu que a solução é passar toda equipe de desenvolvimento da sala onde temos na incubadora para o laboratório de pesquisa. Uma situação que, na visão deles, parece ser a mais simples.

Eu já expressei aqui minha opinião sobre o assunto. Hoje então falei com a equipe sobre essa "decisão". O que eu vi foi algo que me deixou novamente satisfeito: TODOS da equipe fizeram cara feia e rejeitaram de qualquer forma a mudança.

O motivo não é acomodação, ou algo deste tipo. O motivo é que eles tem consciência de que todas essas mudanças que eu implantei na empresa vão acabar. Motivação, comprometimento e produtividade serão MUITO afetados. Os principais pontos que eu pesquei na calorosa discussão que se sucedeu:

- No laboratório de pesquisa todas as máquinas são "colaboradas". Ou seja, vai dar confusão com certeza.

- Foco. É impossível se concentrar no laboratório.

- Produtividade. O rítmo é muito diferente lá. Por mais que eles tentem se blindar, vai ser impossível eles não entrarem em uma ou outra conversa.

- Painel de atividades e daily meetings. Não vão ter a mesma eficácia. Aliás, sequer vão poder ser aplicadas lá.

- Espaço físico. Lá, todos ficam muito juntos. As baias que eles tem na empresa para montarem os hardwares eles não terão lá.

- Privacidade. Aqui somos 7 pessoas, no máximo. Lá serão 15.

A impressão que passou, após a discussão, é que a equipe QUER trabalhar, mas a diretoria quer impedir isso. Mais um demonstrativo de que a metodologia de fato criou um ambiente muito positivo na empresa. E que a diretoria não enxerga, por estarmos vivendo em duas ilhas diferentes.

E se isso ocorrer mesmo? Passaremos a ter TRÊS ilhas: diretoria, comercial e desenvolvimento. Daí sim o apocalipse se aproximará...

O ideal seria dividir a nossa sala da incubadora em duas: a comercial e a desenvolvimento. Assim, inclusive, conseguiriamos alinhar o comercial com o desenvolvimento... e evitaríamos um problema que ocorreria COM CERTEZA: a eterna briga entre comercial x produção.

Segunda-feira eu acho que teremos novos capítulos dessa interminááááável novela.

Um comentário:

Erika disse...

oi Flavio
muito interessante seu blog. Estou pensando em começar um também...na mesma linha, mas não é plágio...apenas o fato de que "qualquer semelhança não é mera conincidência".
Agora, com relação a postura da sua diretoria, impondo mudanças sem levar em consideração o impacto sobre a equipe, gostaria de fazer uma pergunta que não vi respondida nas mensagens que vc postou até agora :
vc expôs para diretoria o que é o Scrum e como está implementando, quais são as práticas e o efeito que vem surtindo sobre a motivação da equipe?
Se ainda não o fez, acho que está mais do que na hora. É claro que a direção tem autonomia para tomar suas decisões, mas você pode e deve mostrar a eles que a equipe motivada é que vai manter a empresa.
Não fazemos nada sem as pessoas. A área de desenvolvimento, na minha opinião é 100% intelectual. Dependemos do conhecimento e disposição das pessoas envolvidas em fazer a coisa acontercer.
Exponha isso para a diretoria, e quem sabe vc não se surpreende.
Até mais.